Viaje connosco pelas Aldeias Históricas de Portugal, um tesouro escondido no Portugal profundo, todas as segundas-feiras, a partir das 18 horas.

www.aldeiadaminhavida.blogspot.com
18
Mai 09
Na última semana, publiquei uma fotografia a representar a chamada “Roda dos Expostos” .




Para quem nunca ouviu falar, aqui vai a explicação: A roda dos Expostos existia numa casa em Almeida, na rua da Muralha, . Era uma casa dos órfãos, destinada para receber crianças recém-nascidas “não desejadas” ou bastardas, cujos pais não pudessem assumir os seus cuidados. Essas crianças, sem qualquer identificação, eram recebidas pelas amas de leite que aí viviam, contratadas por uma Instituição de Beneficiência da localidade.



Normalmente eram entregues durante a noite numa “ roda” de madeira existente por trás da portinha verde ( agora a roda foi rescontituida em ferro), de modo que as crianças não apanhavam frio e ninguém descobria a identidade dos pais.




Actualmente o espaço foi transformado num núcleo museológico, onde é possível observar alguns documentos da época sobre a contratação de amas e alguns objectos usados durante o funcionamento da casa.

É uma casa que dá muito que pensar, especialmente hoje que se comemora o, Dia 18 de Maio, o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes , no Brasil; no dia Dia 25 de Maio é o Dia Internacional Das Crianças Desaparecidas e no dia 1 de Junho comemora-se o Dia Mundial da Criança( Fiz uma postagem especial no Clube das Mulheres Beirãs a propósito desta temática) .


Infelizmente, não acontece só hoje, o abandono de crianças!

Já se praticou ao longo de séculos.
Ao longo dos tempos, o Homem procurou responder a esta situação à medida das suas possibilidades. Hoje, infelizmente é de lamentar que ainda continuam a aparecer crianças abandonadas e inclusive largadas em caixotes do lixo... É essa a dignidade que estamos a oferecer às nossas crianças, que não pediram para nascer.

Desculpem este desabafo, mas a visita a esta Casa de Expostos assim me obrigou a esta reflexão. (espero não ter estragado a nossa viagem por isso…)



Mas ainda a propósito da Casa de expostos, para quem quiser saber mais sobre isso, aproveito para informar que no dia 29 de Maio irá decorrer um colóquio sobre esta temática na Junta de Freguesia de Caria, no concelho de Belmonte ( outra aldeia Histórica que mais à frente iremos falar).


O colóquio, denominado “ Assistência religiosa à infância nas Beiras” terá como temas de abordagem a problemática assistencial a estas crianças, bem como a existência destas casas em Portugal e especificamente em casos concretos de Caria e Moreira de Rei.


Para mais informações, clique aqui.
publicado por aldeiashistoricasdeportugal às 18:49

Que belo artigo. Eu já tinha ouvido falar nas Rodas dos Expostos, claro, mas nunca tinha visto um foto.

Pena que continuem a haver "expostos" neste nosso Portugal.
Parabéns
Jorge C. Reis a 18 de Maio de 2009 às 19:49

Belo trabalho sobre Almeida. Este blog é de visita obrigatória. Pela minha parte vou divulgando a Sortelha de vez em quando...para não despertar demasiado interesse porque aquilo é pequeno!! Parabéns!
Jrosa a 19 de Maio de 2009 às 17:58

Já conhecia as rodas dos expostos, mas nunca me tinha posto a pensar se alguma teria sobrevivido. Quando se fala em abandono de animais (que eu condeno), dá para perguntar: como esperar que o ser humano não abandone os seus amigos de quatro patas quando também o faz com os filhos?
Dr. Mento a 19 de Maio de 2009 às 18:30

Parabéns, excelente.
Mais valia a continuação da roda, que eu já conhecia, do que o que agora acontece...
Beijo..
São a 19 de Maio de 2009 às 19:50

Ao josé Rosas quero dar uma pequena palavrinha: pesquisei os teus blogues , mas não encontrei a tão pequena e bela Sortelha que falaste.Gostava de as ver! E não sejas modesto quando falas desta terra! É uma aldeia lindíssima , grandiosa e única. Por alguma razão foi catalogada como Aldeia Histórica. Falarei dela, quando chegar a vez dela, nesta viagem que faço pelas aldeias.
Abraço, Susana
Susana a 19 de Maio de 2009 às 22:19

Dr. Mentos: Agora disseste tudo! Estamos sempre a ouvir campanhas (em especial no Verão) em defesa dos animais abandonados...mas as crianças deixadas ao abandono, por vezes encontradas sem vida, parecem esquecidas...

Abraço Susana
Susana a 19 de Maio de 2009 às 22:25

Jorge e São obrigada pela mensagem!
Ficou para museu esta casa de expostos e existem outros pelo nosso país.Às vezes pergunto se estas casas não justificariam a sua reabertura, para receber crianças,que ainda são largadas por aí...
Bjs Susana
Susana a 19 de Maio de 2009 às 22:30

Olá!
Adorei o seu blogue!
Eu nunca estive em nenhuma aldeia histórica (mas já passei por muitas!) e não há nada mais belo!
Lembro-me de fazer um trabalho para Sociologia que tratava das Aldeias de Xisto... que paraíso!
Retribuo-lhe todos os elogios que fez ao meu blogue! Embora o meu blogue seja mais uma colectânea de pesquisas que faço do que algo tão orignal quanto o seu!

Ganhou uma leitora atenta!

Já me inscrevi na aldeia da minha vida... é uma lá para os lados da serra do caldeirão... mas tenho de começar a pensar no texto e arranjar um tempinho para deixar fluir a mente!

Muts beijinhos, laura
Laura a 20 de Maio de 2009 às 17:02

Laura: Seja bem vinda! Obrigada pelas tuas palavras! Dão ainda mais razões para continuar com a divulgação das Aldeias Históricas.

Também vou acompanhar-te atentamente.
Bjs Susana

Aceitando o seu convite vim visitar este blogue e gostei, quer da apresntação quer dos temas tratados. Parabéns! É importante a divulgação do nosso rico património para que, sendo valorizado, seja melhor preservado.
Já tive oportunidade de visitar estes sítios.
Estive ligado à constituição da Associação Portuguesa de Municípios com Centro Históricos e à organização de alguns dos seus encontros. É uma matéria que me interessa há muito.
Zé LG a 20 de Maio de 2009 às 18:59

JLopes : Em primeiro lugar, seja bem vindo! Fico feliz por saber que gostou dos blogues. Comentários como estes motivam-me a falar mais das nossas aldeias. Obrigada!

Em segundo, significa que aceita participar na blogagem colectiva? Agradecia que enviasse um email para : aminhaldeiasapo.pt , para oficializar a inscrição.

Agora fiquei curiosa sobre essa associação que referes. Confesso que desconhecia a existência dela. Parece que tem sede aqui perto, em Lamego. Ainda está em funcionamento?

Obrigada pelas visitas e comentários.
Conto consigo para participar na blogagem .
Um abraço, Susana

無料カウンター
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
13
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
26
27
28
29
30

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Feira Medieval Castelo Mendo 2009
Feira Medieval Monsanto 2009
Marialva
Sortelha
Almeida
Castelo Rodrigo
Castelo Mendo
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO
blogs SAPO